10 vezes em que o Centro Dom Bosco agradeceu ou até mesmo favoreceu Olavo de Carvalho

Perfil informa que Olavo de Carvalho está hospitalizado
Imagem: Globo.

Antes de participar e/ou colaborar com uma instituição que se diga católica, é necessário conhecer o que essa instituição realmente defende. Diante disso, os membros, colaboradores e admiradores do Centro Dom Bosco (RJ) deveriam se perguntar: O que o CDB realmente ensina sobre Olavo de Carvalho e sua doutrina anti-católica?

Afinal, embora possuam um vídeo criticando o perenialismo em seu canal do YouTube, o instituto jamais retratou-se publicamente de uma série de agradecimentos, elogios e aplausos dirigidos à Olavo em seus perfis institucionais. Selecionamos abaixo 10 dessas ocasiões:

1. Afagos em meio às críticas (ou “A grande gratidão do CDB à Olavo de Carvalho”):

Em 23 de Outubro de 2019, o Centro Dom Bosco publicou em seu site um vídeo no qual o seu Presidente Pedro Affonseca critica a forma pela qual Olavo de Carvalho se dirige ao Papa Francisco. Ao invés de condenar não só esse pensamento, como também os principais pontos de sua doutrina, Affonseca aproveita a ocasião para ressaltar sua “gratidão” pelo trabalho realizado pelo inimigo da Fé em favor dos “Centros Culturais”:

“Quem de alguma forma me parece que encarna (não é o único, evidentemente, é [sic] uma multidão de levianos e joselitos), mas me parece que o professor Olavo de Carvalho encarna um pouco isso, com o que ele faz acerca do Papa Francisco. Me desculpem se eu firo alguma susceptibilidade aqui. Eu espero até que não, pelo bem da alma de vocês, porque quando a gente fica cego para os erros daqueles que devemos gratidão mas que são falíveis, nós corremos o risco inclusive de perdermos as nossas almas. Nós corremos o risco de seguirmos por um caminho errado. Todos nós aqui devemos muita gratidão ao professor Olavo. Os Centros Católicos creio até não existiriam se não fosse pelo trabalho que ele desenvolveu ou existiriam 10 anos depois por outras pessoas. Todos nós fomos auxiliados pelo bem que ele fez pelo Brasil, sem dúvida nenhuma. Mas eu não posso fechar os olhos pela forma que ele trata o Papa Francisco nas redes sociais. Inaceitável. Inaceitável.” (Pedro Affoseca, “Crise de evangelização – Aula 4 – Parte 2”, 50:20-51:24)

A narrativa do Presidente do CDB só confirma a ambiguidade da posição da instituição quanto ao trabalho de Olavo. E pior: os afagos em meio às críticas, ainda dão a entender que, por mais que Olavo tenha alguns erros, seu trabalho é, no geral, bom e louvável (tendo sido, inclusive, supostamente crucial para a existência dos Centros Culturais em todo o país).

2. Propaganda para as “conversões” de Olavo (que seria “um senhor muito lindo, muito lindo e muito especial”):

Em 27 de Junho de 2019, o Centro Dom Bosco cedeu lugar em seu canal oficial do Youtube para o relato de uma das famosas “conversões” realizadas por Olavo de Carvalho. A moça “convertida” que aparece no vídeo chega uma hora a dizer:

“E aí eu achei um senhor muito lindo, muito lindo e muito especial que vocês conhecem: Professor Olavo de Carvalho. Eu vi alguns recortes de vídeo dele que algumas almas caridosas fazem. Quando eu vi aquilo eu falei comigo mesma: esse homem está falando a verdade.” (Jovem Amanda, “Os milagres nos chamam para a Igreja Católica”, 2:40-3:10)

O vídeo já teve 97.005 visualizações e 10 mil curtidas.

Não há qualquer legenda com alguma ressalva às falas referentes a Olavo, que, na realidade, constituem, em nossa visão, o centro da narrativa de Amanda e a suposta causa pela qual a moça teria se “convertido” ao catolicismo.

Substitua-se “Olavo” por “Leonardo Boff” (dois hereges públicos): Será que os membros do CDB compartilhariam esse “relato de conversão” sem publicar qualquer ressalva quanto ao inimigo da Fé louvado no relato?

3. Liga de Católicos confirma palestra de um Gnóstico:

Em 30 de Julho de 2019, a “Liga Cristo Rei”, cuja organização é liderada anualmente pelo Centro Dom Bosco, anuncia que concederia lugar para uma palestra do Ministro Ernesto Araújo. Araújo é discípulo de Olavo de Carvalho, e, entre outras pérolas, já afirmou publicamente o que se segue:

“Outro ponto que procuro trabalhar é a idéia da fragilidade de deus. Acho necessário contestar a concepção de deus como administrador do universo, e propor aquela de deus como prisioneiro desse mesmo universo. Precisamos resgatar a visão gnóstica do “deus que sofre”, e esquecer a figura do deus-juiz, do legislador cósmico vigiando e punindo.” (Ernesto Araújo, entrevistado em “Liberdade de estilo no terceiro “romance” de Ernesto Araújo”)

Dar espaço para um inimigo da Fé palestrar em um evento católico é absurdo, mesmo que ele não tenha sido convidado para palestrar diretamente a respeito de temas relacionados com seus erros. Quem, por exemplo, convidaria Silas Malafaia para palestrar sobre “o bem do matrimônio” em um evento oficial de católicos?

4. “Providência divina” teria unido Olavo de Carvalho a Bolsonaro:

7

(Observação: post até o momento presente no Facebook e sem nota de retratação)

5. Agradecendo o apoiador:

8

(Observação: post até o momento presente no Facebook e sem nota de retratação)

6. Livro bom é livro igual ao “célebre” do Olavo:

6

(Observação: post até o momento presente no Facebook e sem nota de retratação)

7. Mais agradecimentos ao inimigo da Fé:

4

(Observação: post até o momento presente no Facebook e sem nota de retratação)

8. E tem mais:

5

(Observação: post até o momento presente no Facebook e sem nota de retratação)

9. Citando o “professor”:

1

(Observação: post até o momento presente no Facebook e sem nota de retratação)

10. Olavo como destaque no jornal oficial do Centro Dom Bosco:

olavismo1

 

Conclusão

Poderia ser objetado que muitos dos posts citados acima são antigos e já não representam mais a posição da maioria dos membros do CDB. Ora, no caso de uma instituição que aplaudia e elogiava publicamente inimigos da Fé se arrepender de tê-lo feito, a mesma ainda precisaria se retratar publicamente do ocorrido para evitar dessa forma o escândalo de terceiros. Erros públicos exigem retratações públicas, e não meras conversas em privado.

olavo-de-carvalho
Imagem: Globo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s