Com autorização do Papa, FSSPX ganha novo bispo

Resultado de imagem para Dom Vitus Huonder

Ordenado bispo pelas mãos do Santo Padre o Papa Bento XVI, aos 6 de julho do ano do Senhor 2007, um dia antes de o Sumo Pontífice liberar oficialmente a liturgia tradicional da Missa, Dom Vitus Huonder escolheu para seu episcopado o lema Instaurare omnia in Christo – o mesmo de São Pio X.

Juntamente com Dom Athanasius Schneider –, esse valoroso cruzado dos nossos tempos –, Dom Huonder tornou-se um dos principais intermediários entre a Cúria Romana e a FSSPX. Agora foi confirmado que ele será mais um dos bispos da Fraternidade. Mais uma prova de que, apesar das tempestades, a barca de São Pedro pertence a Cristo, que a protege apesar de todos os pesares.

Apenas algumas semanas atrás, o portal católico Rorate Caeli publicou uma análise dos movimentos do Papa Francisco em relação à Fraternidade Sacerdotal São Pio X (FSSPX ), em um artigo intitulado “The Vatican and the SSPX – Prospects for 2019” (‘O Vaticano e a FSSPX – Perspectivas para 2019’).

Nesse texto, Côme de Prévigny revelava que o Papa e a FSSPX vinham trabalhando para a concretização da regularização total da Fraternidade, ainda que “por partes”. Juntamente com a abolição da Comissão Pontifícia Ecclesia Dei, assinada em 17 de janeiro, e que também sinaliza um caminho de regularização da FSSPX, outra notícia datada do mesmo dia (veiculada pela revista francesa ‘Monde & Vie’ de 17 de janeiro de 2019, n.965, p.19) também ajudou a esclarecer o que está acontecendo. Segue abaixo um resumo.

Um novo bispo para a FSSPX

Já faz vários meses que Dom Vitus Huonder, bispo de Chur (Suíça), indicou sua vontade de viver a sua aposentadoria com a Fraternidade São Pio X. Agora, seu desejo foi oficializado. Dom Huonder, considerado um conservador, não é apenas amigo da FSSPX, mas também é próximo do Papa Francisco – que recusou sua renúncia em 2017 [veja a postagem do Rorate da época].

Em outras palavras, pode-se viver a aposentadoria na FSSPX como em qualquer outra congregação religiosa regular e plenamente católica. De acordo com as informações veiculadas pelo portal, Dom Huonder viveria sua aposentadoria em uma escola mantida pela Fraternidade na Suíça.
Dom Huonder tem 76 anos e sua diocese é a da maior cidade da Suíça, Zurique; suas opiniões conservadoras não são muito populares entre os membros mais influentes do seu rebanho.

Em um “Comunicado conjunto” do Superior Geral da FSSPX, Rev. Pe. Davide Pagliarani e de S. Exma. D. Vitus Huonder, bispo emérito de Coira, os referidos sacerdotes declararam que “O único e exclusivo propósito desta decisão é dedicar-se à oração e ao silêncio, celebrar exclusivamente a Missa tradicional e trabalhar em favor da Tradição, o único meio de renovação para a Igreja.” (Fonte: site oficial da FSSPX).

Que Cristo Rei do Universo conduza mais esse prelado na missão de salvaguardar a Fé da Igreja!

____
Fonte:
Rorate Caeli, em
https://rorate-caeli.blogspot.com/2019/01/papally-approved-unexpectedly-new.html
Acesso 21/1/2019

____
Matéria adaptada do site “O Fiel Católico”

——-

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Nós da equipe Salve Roma alteramos o texto em questão pois o mesmo estava ambíguo no tocante ao atual status canônico da Fraternidade de São Pio X (FSSPX). A situação da Fraternidade se mantém irregular para com a Santa Sé, embora a mesma não possa mais (e nunca pode) ser considerada nem cismática e nem herética.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s