62,5% das deputadas brasileiras são contra a legalização do aborto

­ Foto: Reprodução
Foto: Revista Época

Uma nova pesquisa publicada hoje pela revista Época constatou que 62,5% das deputadas do Congresso atual são contrárias a legalização do aborto no país, sendo 57,8% favoráveis a manutenção da legislação atual e 4,7% favoráveis a restringir ainda mais os casos previstos em lei. Apenas 26,6% veem espaço para permitir a interrupção da gravidez em mais situações. A pesquisa também constatou que a maioria das deputadas não se considera ‘feminista’ e não considera o Presidente Jair Bolsonaro ‘machista’.

Outra pesquisa já havia apontado para o fato de que, no Senado, nenhuma das atuais senadoras defende a legalização do aborto.

O Datafolha deste ano, na realidade, mostrou que 75% dos brasileiros são contrários a legalização do aborto, sendo que 41% são contrários ao aborto em qualquer caso (incluindo anencefalia, estupro e risco de vida para a mãe), e 34%, favoráveis ao aborto nas “exceções previstas em lei” (sic). Apenas 6% são favoráveis a legalização do aborto em todos os casos e 16% defendem a manutenção da proibição do aborto com mais exceções.

Esta semana, a RecordTV também publicou outra pesquisa feita pelo Instituto Paraná Pesquisas que também concluiu que 75% dos brasileiros são contrários a legalização da prática no país.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s