Jesuítas defendem que comunista Paulo Freire continue como Patrono da Educação

Os jesuítas responsáveis pelo Santuário Nacional de São José de Anchieta acabaram de emitir uma escandalosa nota defendendo que o comunista, odiado pelo povo brasileiro, Paulo Freire continue com o título de “Patrono da Educação Brasileira”.

Os hereges adeptos à heresia modernista e ao Comunismo (típicos seguidores do heresiarca Leonardo Boff) foram devidamente denunciados pelo Centro Dom Bosco.

Tudo isso começou com a possível substituição do comunista Paulo Freire pelo Santo católico São José de Anchieta. O forte apelo popular pela transmissão do título para o santo católico incomodou este grupinho herético de jesuítas fiéis ao Comunismo.

Esta é a mais nova: jesuítas que odeiam São José de Anchieta.

Confira a absurda nota emitida pelos hereges travestidos de jesuítas:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s